Please select your home edition
Edition
Allen IQP 2017 728x90 3

Volvo Ocean Race terá pit-stop de 24 horas na Holanda

by Volvo Ocean Race on 30 Jan 2014
Scheveningen, The Hague, Netherlands Thom Touw http://www.thomtouw.com
A Volvo Ocean Race 2014-15 tem uma novidade no percurso. Os barcos serão obrigados a fazer um pit-stop de 24 horas no porto de Haia, na Holanda.

A parada técnica será no meio da perna entre Lorient, na França, e Gotemburgo, na Suécia, a última da Volta ao Mundo. Os fãs da vela holandeses comemoram em dobro a notícia, já que em outubro do ano passado, o barco Brunel foi confirmado para defender as cores da Holanda na regata.

Os barcos devem chegar ao porto de Haia no dia 19 de junho de 2015. A ordem de partida será a mesma da chegada, ou seja, o primeiro a cruzar a linha na Holanda saí na frente e os demais após completar 24 horas parados.

A ideia é aproximar o público local dos velejadores, que terão um intervalo de tempo curto, mas precioso, para as milhas finais da Volvo Ocean Race até Suécia.

Para o CEO da Volvo Ocean Race, Knut Frostad, o pit-stop será em um local ideal, pois há poucos lugares no mundo onde o apoio ao esporte náutico é intensificdo e um desses países é a Holanda. Essa paixão ganhou mais força após o anúncio da equipe holandesa Brunel, comandada por Bouwe Bekking, na regata. Algumas semanas mais tarde, a Schouten Global anunciou que iria patrocinador um barco do país em 2017-18.

'A Holanda é como a Nova Zelândia. A vela nesses dois países tem apoio do público, que conhece a modalidade e sua história. Com a Volvo Ocean Race não é diferente e nós queremos apoiar isso', disse Knut Frostad.

Os organizadores do evento ainda lembram da última parada da Volvo Ocean Race na Holanda.

'Em 2008-09 , os barcos passaram perto de Haia e tudo foi um sucesso. Desta vez vai ser ainda maior porque os veleiros vão realmente parar no porto. Oportunidade para conhecer de perto velejadores e os novos modelos de embarcações', contou o diretor operacional da regata, Tom Touber.

Karsten Klein, representante da área de esportes da prefeitura de Haia, concordou com Tom Touber. 'Estou muito orgulhoso por a Volvo Ocean Race ter escolhido a nossa cidade como o único pit-stop na edição 2014-15. Haia tem uma longa tradição de vela e modalidades náuticas. Não é apenas uma simples parada, mas um evento esportivo de nível internacional para toda a cidade e seus habitantes participarem'.

A população local, que se aproxima de 1 mihão de pessoas, poderá ver de perto a chegada e a partida dos barcos do porto ou dos molhes (quebra-mar) de Haia. A largada para Gotemburgo deverá ocorrer em 20 de junho de 2015. A cidade abriga muitas instituições internacionais, incluindo o famoso Tribunal Internacional de Justiça e também é a sede do governo e do parlamento holandês.

Haia é conhecida por ser um resort à beira-mar, que atrai milhares de visitantes de todo o mundo a cada ano e é o segundo destino mais visitado do país depois da capital Amsterdã. Além disso, os organizadores esperam que os holandeses, que moram perto da fronteira com a Alemanha, acompanhem a regata.

Haia e a Volvo Ocean Race planejam grandes eventos públicos, incluindo shows de música, festivais e muitas outras atrações, alguns com a presença da tripulação do Team Brunel e de seus rivais internacionais na prova.



Histórico da Holanda na regata

- A edição 2014-15 da Volvo Ocean Race terá pela segunda vez a Holanda como parada. Em 2005-06, Roterdã foi uma das cidades-sede. Na edição de 2008-09, a costa holandesa serviu de waypoints ou pontos obrigatórios de passagem no caminho entre Galway e Marstrand.

- Bouwe Bekking foi o último comandante holandês na regata comandando o Telefónica Blue, em 2008-09. A edição de 2014-15 será a sua sétima participação.

- O barco holandês ABN AMRO ONE, liderado pelo neozelandês Mike Sanderson, venceu a edição 2005-06. Foi o terceiro triunfo do País na Volta ao Mundo.

- Cornelis (Conny) van Rietschoten foi comandante e vencedor das edições 1977-78 e 1981-82 da Whitbread a bordo do Flyer and Flyer II. Ele é o único skipper a vencer a regata duas vezes.

- Hans Bouscholte e Roy Heiner foram os últimos skippers do país comandando um barco local na regata.

- A última campanha de um barco holandês foi com o Delta Lloyd em 2008-09.

- O primeiro velejador holandês na regata foi Tjerk M. Romke de Vries. Ele velejou no Sayula II, vencedor da primeira edição da regata em Volvo Ocean Race
Nebo 660x82 1Selden 660x82Marine Resources BOTTOM